O governo de Taiwan afirmou que 68 aviões chineses e 13 navios de guerra cruzaram a linha média do estreito nesta sexta-feira (05). A ilha fez críticas a China, seu “vizinho do mal”, por realizar o 2º dia dos maiores exercícios militares já organizados por Pequim ao redor do território.

Nesta manhã, “vários grupos de aeronaves e navios de combate realizaram exercícios ao redor do Estreito de Taiwan e cruzaram a linha média do estreito”, afirmou o Ministério da Defesa de Taiwan.

“Este exercício militar chinês, seja pelo lançamento de mísseis balísticos ou cruzando a linha média do estreito, é altamente provocativo”, acrescentou a ilha.

A linha média é uma coordenada não oficial, mas de aceitação geral, entre as costas da China continental e as de Taiwan.

A China deu início as manobras militares na última quinta-feira (4), com o lançamento de mísseis balísticos e o deslocamento de sua aviação e navios em seis zonas marítimas ao redor de Taiwan, para expressar sua indignação após a visita da presidente da Câmara de Representantes dos Estados Unidos, Nancy Pelosi, a Taiwan.

Veja também: DIESEL FICA R$ 0,20 MAIS BARATO A PARTIR DESTA SEXTA NAS REFINARIAS

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui