O Presidente Jair Bolsonaro, afirmou na quinta-feira (21), que o governo vai trabalhar para fazer a reforma tributária ainda em 2021 e negou que o objetivo seja aumentar impostos.

Conforme o Presidente se a reforma provocar aumento de tributos é “melhor deixar como está”.

“Vamos, se Deus quiser, fazer a reforma tributária no corrente ano. E o que eu falei com o Paulo Guedes? Eu não sou economista, mas fazer as quatro operações a gente sabe fazer. No final das contas, não podemos ter majoração da carga tributária, senão deixa como está”, disse.

Bolsonaro disse ainda que é importante ter uma boa relação com o Congresso para que projetos de interesse do governo sejam pautados. Ele reclamou do fato de que uma medida provisória de regularização fundiária ter caducado e prometeu reapresentá-la neste ano.

“Hoje em dia estamos tendo um bom relacionamento com Câmara e com o Senado”, disse Bolsonaro.

A reforma tributária é uma das apostas para alavancar a economia brasileira após a pandemia da covid-19. Jair Bolsonaro afirmou que as empresas “gastam muito tempo e gastam muito dinheiro” com os cálculos de prestações de contas e, por isso, a ideia do governo é “simplificar” o sistema.

VEJA TAMBÉM: MONITOR DO PIB APONTA ALTA DE 1,1% NA ATIVIDADE ECONÔMICA EM NOVEMBRO

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI



DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui