Guilherme Boulos, foi derrotado em uma disputa judicial no Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP) contra o jornalista Augusto Nunes, da rádio Jovem Pan. O pedido de indenização ajuizado pela defesa do socialista foi rejeitado pelo Tribunal de Justiça de São Paulo (TJSP).

O de Boulos foi rejeitado por unanimidade na Corte estadual, três desembargadores votaram para negar o pleito do militante esquerdista. 

O anúncio foi feito por Nunes nesta última segunda-feira (22), durante a edição do programa ‘Os Pingos nos Is’. O líder do MTST havia recorrido ao Judiciário após o jornalista chamá-lo de “gigolô de sem-teto”, em agosto de 2019.

“Ele vive de ficar brincando de dirigente de sem-teto. A Justiça achou perfeitamente pertinente a metáfora”, declarou Augusto Nunes.

Acrescentando que “ele [Boulos] ganhou a casa do pai. Ele não tem profissão definida. Não tem local de trabalho conhecido. Ele vive de falar”.

VEJA TAMBÉM: WHATSAPP ADOTA SANÇÕES PARA QUEM NÃO ACEITAR “MUDANÇAS”

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui