Gilmar Mendes liberta Empresários Presos na Lava Jato

0
67

O Ministro do STF Gilmar Mendes consentiu habeas corpus aos empresários Miguel Skin e Gustavo Estellita, que foram presos ano passado por decisão do Juiz Marcelo Bretas, responsável pelas ações da Lava Jato no Rio de Janeiro.

Gilmar Mendes, impôs algumas medidas alternativas aos dois, como por exemplo, estão proibidos de entrar em contato com outros investigados no mesmo processo e de comparecer periodicamente à justiça. Os empresários são acusados de organização criminosa, corrupção ativa, passiva, lavagem de dinheiro e peculato.

O advogado que defende os empresários, Marcelo Sedlmayer, afirmou que “as decisões do Supremo Tribunal Federal vão de acordo com o ordenamento jurídico” e queixou-se da morosidade da investigação. “Um ano de deflagração da operação, sequer iniciou-se a instrução criminal”.