Durante abertura do Congresso Brasileiro de Magistrados em Salvador, na quinta-feira (12), o presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco, saiu em defesa da democracia e do judiciário brasileiro.

Em seu discurso, o parlamentar afirmou que o Congresso deve “combater excessos” que considerou nocivos para a sociedade.

“É preciso haver um fortalecimento das instituições. Como disse o governador Rui Costa aqui, é inimaginável que chegaríamos em 2022 precisando defender o judiciário. Precisamos defender a democracia em tempos de atentados nocivos à sociedade brasileira. Temos que ter coragem para defender o nosso judiciário e queria reafirmar aqui que eu respeito o poder judiciário do meu país”, disse o senador.

Ao falar para os magistrados, Rodrigo Pacheco, defendeu a aprovação da PEC 63, que trata sobre a reestruturação da magistratura brasileira, e que, segundo ele, deve ser discutida em breve no Senado.

Veja também: DANIEL SILVEIRA DIZ A MORAES QUE NÃO RESPONDERÁ QUESTIONAMENTOS SOBRE TORNOZELEIRA ELETRÔNICA

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui