Walt Disney Company, anunciou que irá cortar 32 mil trabalhadores no primeiro semestre de 2021, 4.000 a mais do que o anunciado anteriormente, já que a pandemia de COVID-19 continua dizimando a indústria de parques temáticos.

“Devido ao clima atual, incluindo os impactos do COVID-19 e as mudanças no ambiente no qual estamos operando, a empresa gerou eficiência em sua equipe, incluindo a limitação de contratações para funções críticas de negócios, licenças e reduções de pessoal. Como parte dessas ações, o emprego de aproximadamente 32.000 funcionários principalmente em Parques, Experiências e Produtos terminará na primeira metade do ano fiscal de 2021 ”, disse a Walt Disney Company em um documento da Comissão de Valores Mobiliários publicado na noite de quarta-feira.

No início deste mês, a Disney informou que estava liberando trabalhadores adicionais de seu parque temático no sul da Califórnia devido à incerteza sobre quando o estado permitirá a reabertura do local.

A Disney de Paris, foi forçada a fechar novamente no mês passado, quando Macron anunciou um novo bloqueio para conter a segunda onda da Covid-19.

Os parques temáticos da empresa em Xangai, Hong Kong e Tóquio permanecem abertos.

Em 12 de novembro, a Walt Disney Company disse que a receita operacional nos parques da empresa havia caído em US $ 6,9 bilhões com relação ao ano anterior, devido aos fechamentos e redução de atendimentos na reabertura.

VEJA TAMBÉM: GOVERNADORA DO OREGON ENCORAJA DENÚNCIAS ENTRE VIZINHOS

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui