Após a audiência de custódia onde o juiz auxiliar de Alexandre de Moraes decidiu pela manutenção da prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL-RJ), o parlamentar será transferido para um Batalhão da Polícia Militar (PM) no Rio de Janeiro.

Conforme as informações do Supremo Tribunal Federal (STF), a transferência será realizada porque o batalhão da PM é “melhor estruturado para a manutenção do estado de custódia”. Não há um prazo determinado para que o parlamentar fique preso.

Até o momento, segue indefinido o futuro do parlamentar. A Câmara ainda não levou o caso ao plenário, que poderá decidir se mantém ou revoga a prisão dele.

VEJA TAMBÉM: APÓS AUDIÊNCIA DE CUSTÓDIA, JUIZ AUXILIAR MANTÉM PRISÃO DE DANIEL SILVEIRA

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui