Nesta segunda-feira (5), em cerimônia reservada no Palácio do Planalto, o Presidente Jair Bolsonaro recebeu as credenciais de cinco novos embaixadores no Brasil.

A partir de agora, estão habilitados a despachar no país os representantes da Guatemala, Arturo Romero Duarte Ortíz; de El Salvador, Victor Manuel Lagos Pizzati; do Quênia, Lamarron Ole Kaanto; da Rússia, Alexey Kazimirovitch Labetskiy; e da Bulgária, Bojidara Nikolova Sartchadjieva.

Tradicionalmente, um embaixador assume o posto após a entrega de documentos enviados pelo presidente de seu país ao governo do país onde atuará.

A apresentação das cartas credenciais ao presidente da República é uma formalidade que aumenta as prerrogativas de atuação do diplomata no Brasil. Caso a credencial não seja recebida pelo presidente, o embaixador não pode representar seu país em audiências ou solenidades oficiais.

VEJA TAMBÉM: LG ANUNCIA ENCERRAMENTO GLOBAL DE PRODUÇÃO DE CELULARES

Para mais informações acesse nosso Canal do Telegram CLICANDO AQUI

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui