Conforme as informações da ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), as vendas nos supermercados tiveram alta de 3,62%, um pouco acima da expectativa (3%).

O resultado é real e já está descontada a inflação do período.

Se comparado com o mês de dezembro de 2018, a alta é de 2,63%, contudo, se comparado com novembro, a alta foi de 16,36%.

Dessa forma, o desempenho acumulado durante o ano de 2019 superou as estimativas de crescimento real, que era de 3% ante 2018. Entretanto, para 2020, a estima-se o crescimento de 3,9% nas vendas.

Otimismo com a Economia

João Sanzovo Neto, Presidente da ABRAS, comentou otimismo em relação à economia brasileira.

Entretanto, salientou que, a projeção de crescimento é conservadora, devido ao surto do novo coronavírus na China.

“Esse número é conservador. Fui desanimado por uma incerteza que está aí, que é o coronavírus, se não fosse ele falaria em 4% ou mais”, disse ele.

Ainda de acordo com Sanzovo, as reformas tributárias e a queda da taxa de desemprego são fatores que poderiam favorecer o setor.

Ele também pontuou que o crescimento de 3,62% em 2019 foi então influenciado pelas reformas realizadas pelo Governo.

“Reforma trabalhista e reforma da previdência deram sinais claros de acertos.”

Newsletter Subscribe

Get the Latest Posts & Articles in Your Email

We Promise Not to Send Spam:)