Em mais uma ação de combate ao crime, a Polícia Federal deflagrou a Operação Rota do Minério, em Marabá e Itupiranga, localizadas no Pará.

Cerca de 20 policiais federais participaram da Operação. Dessa forma, foram apreendidos oito caminhões que estavam carregados com 500 toneladas de minério de manganês.

Conforme as informações da Polícia, acredita-se que tais caminhões tinham como destino o porto de Barcarena/PA, onde a mercadoria de lá seria exportada, informou a PF.

Sendo assim, foram presas em flagrante, sete pessoas que conduziam os veículos, sendo que uma delas, estava alcoolizada e responderá pelo crime, previsto no art. 306 da lei 9.503/97 .

Contudo, os outros detidos foram enquadrados no no crime previsto no Artigo 2º, §1º da Lei nº 8.176/91, com pena prevista de até 5 (cinco) anos de detenção.

Nota da Polícia Federal

Em nota, a PF afirmou

“A referida matéria prima é pertencente a União federal, constituindo crime contra o patrimônio, na modalidade de usurpação, tal conduta. Assim, foi lavrado auto de prisão em flagrante em desfavor de sete pessoas que conduziam os veículos, sendo uma delas ainda presa por dirigir alcoolizada.”

completando

“A região sudeste do Pará tem um histórico de extração ilegal de minério, sendo o combate a essa prática criminosa recorrente pela Delegacia da Polícia Federal em Marabá. Acredita-se que tais caminhões tinham como destino o porto de Barcarena (PA), onde a mercadoria de lá seria exportada. Participaram da operação cerca de vinte policiais federais.”

Em resumo, a região sudeste do Pará tem um histórico de extração ilegal de minério, sendo o combate a essa prática criminosa recorrente pela Polícia Federal.

Newsletter Subscribe

Get the Latest Posts & Articles in Your Email

We Promise Not to Send Spam:)