Nesta quarta-feira Macron levantou o tom de voz com policiais israelenses que faziam sua segurança durante visita ao país.

Tudo corria bem, até que Macron foi visitar igreja de Santa Ana de Jerusalém, e obviamente, os policiais seguiram junto para realizar a segurança do mesmo.

Em dado momento, Macron começou a gritar, exclamando que a igreja era território da França e que os seguranças israelenses não iriam entrar.

Em inglês,Macron disse

“Não gosto do que você fez na minha frente. Por favor, vá para fora, ninguém tem que provocar ninguém, entendido?”

e continuou

“Ficamos calmos, tivemos um ótimo passeio, vocês fizeram um ótimo trabalho na cidade e eu aprecio isso, mas por favor respeitem as regras estabelecidas há séculos, elas não vão mudar comigo, eu posso dizer isso. Aqui é a França e todos sabem as regas.”

Entenda

A igreja de Santa Ana foi construída no século 12, e foi dada de presente pelos otomanos para o Imperador Napoleão 3º no ano de 1856. França é dona de mais 3 territórios em Jerusalém.

Newsletter Subscribe

Get the Latest Posts & Articles in Your Email

We Promise Not to Send Spam:)