O Antagonista informou hoje que Jorge Muss, do TSE, autorizou a abertura da ação apresentada pela campanha de Jair Bolsonaro contra Fernando Haddad por causa da turnê de Roger Waters.

Para a defesa as mensagens divulgadas pelo artista “são de extrema gravidade e demonstram a premeditação e o explícito propósito de denegrir sua imagem e causar nos telespectadores/fãs uma forma de repulsa, pela evidente campanha negativa, o que não condiz com a realidade”.

No pedido de abertura do processo, os advogados de Bolsonaro dizem que “os ataques possuem grande semelhança conceitual com a propaganda produzida pelo PT”.

Em seus shows, Waters apresentou num telão o nome de Bolsonaro como um representante do “neofascismo”.

Temos também que lembrar, Roger Waters teve um pedido de visita à Lula negado pela justiça, o que ele queria lá com o corrupto?

Informamos também no canal 90 Segundos, veja:

Comentários

comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here