Ciência e Tecnologia

Facebook quer seus dados Bancários – Sistema de crédito social à vista?

Nossos governantes querem um mundo onde eles não só possam transformá-lo em “politicamente correto”, mas banindo-o da internet, também lhe negando uma conta bancária e uma casa, se você não tiver as opiniões políticas corretas.

Daniel Taylor no Old-Thinker News escreve :
A mídia tradicional, em conluio com a grande tecnologia, criou um sistema de humilhação pública e “desalinhamento”.

Em 2015, Paul Joseph Watson escreveu sobre o sistema de pontuação de crédito social da China, fazendo a pergunta: “Esse sistema poderia decolar na América?”

O primeiro passo já está completo. As grandes empresas de tecnologia tem nossos dados pessoais.

Neste vídeo abaixo é exibito como já está em funcionamento na China, o sistema de crédito social.

A mídia tradicional, em conluio com a grande tecnologia, criou um sistema de humilhação pública e “desalinhamento”.

Em 2015, Paul Joseph Watson escreveu sobre o sistema de pontuação de crédito social da China, fazendo a pergunta: “Esse sistema poderia decolar na América?”

O primeiro passo já está completo; A Big Tech tem nossos dados pessoais.

O Facebook recentemente pediu aos bancos dos EUA para compartilhar dados financeiros do usuário, incluindo transações e saldos de contas, em um esforço para aumentar o engajamento do usuário com o aplicativo.

Matt Stoller, um membro do Open Markets Institute, afirmou após o anúncio do Facebook que é um sinal de que a grande tecnologia está se movendo em direção a um sistema de crédito social nos Estados Unidos. Segundo Stoller, “o poder técnico concentrado está nos levando a um sistema de pontuação de crédito social distópico”.

Assim como na China comunista, o propósito de tal sistema é controlar nosso comportamento e esmagar aqueles que saem da linha.

Veja o vídeo onde comento o que está acontecendo e sobre a possibilidade futura.

via informationliberation

Tags

Renato Barros

Me chamo Renato Barros, sou o criador do canal Questione-se no YouTube. Descobri uma grande paixão após os 25 anos de idade, essa paixão eu coloco dentro de apenas uma palavra, informar. Quero sempre trazer a verdade, principalmente a verdade suprimida, aquela que ninguém quer que você saiba. O site questione-se.com é a extensão do canal Questione-se, obrigado por fazer parte.

Artigos relacionados

Close

Adblock detectado

Por favor considere nos ajudar desativando o seu Adblock
%d blogueiros gostam disto: